Página de estudos e investigação da ATM. Três anos de publicações.

Caros amigos,

Em dezembro de 2014 iniciei as publicações da Página de Estudos e Investigação da ATM. No inicio, todo o seu conteúdo foi oferecido português, inglês e espanhol. Porém, em março do ano seguinte, ao analisar as estatísticas de acesso das postagens, decidi manter somente a divulgação nos idiomas português e inglês.

De todo modo, o acesso aos conteúdos da página segue disponível aos demais pesquisadores, profissionais da área e aos interessados na investigação que desenvolvo.

3 ANOS DE PUBLICAÇÕES

Nos dias de hoje, a medicina baseada em evidência está estratificada hierarquicamente de cima para baixo onde na base da pirâmide encontramos os casos clínicos, os quais raramente são vistos como evidência.

A Página de Estudos e Investigação da ATM tem em sua concepção, o propósito da publicação de casos e conceitos clínicos, cuidadosamente publicados com as respectivas documentações dos pacientes com queixas de dor, disfunção e patologia da ATM, tratados na Clínica MY.

A página oferece acesso ao conteúdo ao longo de imagens, eletromiografias de superfície, cinesiografia computadorizada antes e após o  processo terapêutico. Foram incluídos casos de ortodontia tridimensional e reabilitação fisiológica neuromuscular da segunda fase do tratamento, após o tratamento da ATM.

FINAL

Página de Estudos e Investigação da ATM fez no mês de dezembro três anos de vida, lembrei-me de festejar no primeiro aniversário da Pagina.

No meio do trabalho com os pacientes, ensino e publicações não me lembrei de celebrar o segundo ano.

Quero celebrar estes três anos com vocês.

Temos com este projeto um lugar na internet que mostra a linha de trabalho conhecida como odontologia neuromuscular fisiológica, que atua sobre a postura e o funcionamento mandibular e considera todo o sistema corporal.

Para isso a odontologia neuromuscular fisiológica procura estabelecer, no paciente uma posição baseada na relação harmoniosa entre os músculos, dentes e articulações temporomandibulares.

MARCUS LAZARI frontal E SAGITAL

Na publicação deste final de ano escolhi as imagens mais significativas de todos estes anos de publicações, com links diretos para cada uma das publicações originais.

No final desta publicação coloquei os links das publicações do primeiro ano desta pagina.

3 ANOS DE PUBLICAÇÕES 2

Página de Estudos e Investigação da ATM tem crescido muito e continua recebendo visitantes de todo o mundo.

Muito obrigada!

Lidia Yavich

Patologia da Articulação Temporomandibular em um Paciente com Fusão Congênita de duas Vértebras Cervicais. Primeira e segunda fase. Caso clínico.

33 FINAL

Melhora Postural em Paciente após Tratamento de Reposicionamento Neuromuscular Fisiológico da Mandíbula. Paciente com Histórico de Cirurgia de Escoliose e Sintomatologia Craniomandibular.

24

Tratamento das Patologias da ATM: Paciente com Fortes Dores de Cabeça e das Articulações Temporomandibulares apresentando Importante Irregularidade de contorno no Côndilo Mandibular e Limitação de Abertura Bucal. Caso clínico.

27 CEF COMPARATIVAS

Reversão da Alteração da Medular Óssea em um caso de Necrose Avascular da cabeça mandibular. Acompanhamento de dois anos após o tratamento.

FRONTAL COMPARATIVAS ESQUERDA 2016.jpg

Tratamento Neuromuscular Fisiológico em Paciente com Cefaleia Diária e Dor nas Articulações Temporomandibulares. Caso Clínico sem Possibilidade de Recaptura Discal: primeira e segunda fase.

10 abre e fecha inicial

Criança com Otalgia (dor de ouvido) e Perda Auditiva Condutiva: quando medir faz a diferença. Normalização dos limiares auditivos. Primeira e segunda fase. Caso clínico.

FINALE FINALE

Tratamento das Patologias da ATM: Paciente com Dor na Região da Nuca, Zumbidos Bilaterais e Fraturas Recorrentes de Dentes e Próteses. Primeira e segunda fase. Caso clínico.

ITACIR COMBINADA

Tratamento das Patologias da ATM: Paciente com cefaleia durante 30 anos. Reabilitação Neuromuscular Fisiológica. Primeira e segunda fase . Caso clínico.

1 FOTOS FRENTE

Patologia da ATM em Músicos Profissionais: Um olhar além dos fatores de risco. Reabilitação Neuromuscular Fisiológica. Primeira e Segunda fase. Caso clínico.

HELLA

Página de estudos e investigação da ATM. Um ano de publicações.

INICIAL.jpg

2

Página de Estudos e Investigação da ATM tem crescido muito e continua recebendo visitantes de todo o mundo.

Muito obrigada!

Lidia Yavich

Recaptura dos Discos Articulares da ATM: Reposicionamento Neuromuscular fisiológico da Mandíbula em uma paciente com prótese total superior e prótese parcial inferior.

1

Paciente de sexo feminino de 54 anos se apresenta na clínica com queixas de muitos anos de dor de cabeça, dor nos temporais e dor na nuca. Dor de ombros, sensação de ouvidos entupidos, crepitações em ambas as articulações temporomandibulares.
A paciente apresentava limitação de abertura bucal e dificuldade para mastigar alimentos duros.Tomava diversos analgésicos e anti-inflamatórios que não aliviavam os sintomas.

2

As fotos posturais frontais, mostram o desalinhamento dos ombros da paciente e a posição anteriorizada da cabeça.

3

A paciente utilizava uma prótese completa superior, e relatou que vários profissionais tentaram diferentes próteses removíveis inferiores, mas que sentia que pioravam ainda mais a sintomatologia.

4

A vista oclusal mostra o desgaste importante do sector anterior inferior.

5

Radiografia panorâmica da paciente:

Reabsorção alveolar horizontal generalizada.

Desgastes dentários (atrição): dentes anteriores.

Côndilos mandibulares assimétricos e imagem sugestiva de osteófitos em ambas as cabeças mandibulares.

Calcificação do ligamento estilo mandibular bilateralmente.

Processo periapical no elemento tratado endodonticamente.

6

Laminografia das ATMs antes do tratamento e em oclusão habitual e abertura. Importante retroposição dos côndilos mandibulares. Setas marcando importante compressão posterior.

7

Electromiografia de superfície dinâmica da paciente em oclusão habitual antes do tratamento.

São medidos os temporais anteriores direito e esquerdo.

Masseteres direito e esquerdo.

Digástricos direito e esquerdo.

Trapézio superior direito e esquerdo.

Importante assimetria entre os masseteres.

Ativação dos digástricos no fechamento, sendo que estes músculos  só devem ser ativados na abertura.

8

RNM: corte sagital da ATM direita em boca fechada antes do tratamento.

Deslocamento do disco articular e  retroposição do côndilo mandibular

Caso favorável para reposicionar os côndilos mandibulares em uma posição neurofisiológica, promovendo a recaptura dos discos .

9

RNM: Ressonância Nuclear Magnética da ATM direita boca aberta  antes do tratamento

Limitação na abertura mandibular

10

Ressonância nuclear magnética da ATM esquerda em boca fechada antes do tratamento

Deslocamento do disco articular e  retroposição do côndilo mandibular.

Caso favorável para reposicionar os côndilos mandibulares em uma posição neurofisiológica, promovendo a recaptura dos discos .

11

Ressonância Nuclear Magnética da ATM esquerda em boca aberta  antes do tratamento.

12

 

Temos em conta não só as informações do magnetógrafo após a desprogramação eletrônica, mas fundamentalmente a informação da ressonância nuclear magnética para a decisão do registro da mordida para a construção tridimensional do dispositivo. A paciente apresenta um espaço livre patológico de 10 mm e uma retroposição mandibular de 6 mm.

13

O dispositivo é instalado e controlado eletromiograficamente para controlar a melhora da função muscular.
14

A laminografia comparativa , demonstra a descompressão da zona retrodiscal.

MAS TEM QUE SE TER EM CONTA QUE NENHUMA LAMINOGRAFIA, PODE DEMONSTRAR A RECAPTURA DO DISCO ARTICULAR. Isto só é possível com a ressonância nuclear magnética.

15

RNM: Corte sagital da ATM direita em boca fechada antes e após o tratamento . 

A Ressonância Nuclear Magnética após o tratamento demonstra a recaptura do disco articular  da ATM direita e o reposicionamento do côndilo mandibular.

16

RNM: Corte sagital da ATM direita em boca aberta antes e após o tratamento . 

A Ressonância Nuclear Magnética da ATM direita mostra  que o côndilo faz uma excelente translação sem a limitação da ressonância inicial.

17

RNM: Corte sagital da ATM esquerda em boca fechada antes e após o tratamento . 

A Ressonância Nuclear Magnética da ATM esquerda após tratamento demonstra a recaptura do disco articular  e o reposicionamento do côndilo mandibular.

18

RNM: Corte sagital da ATM esquerda em boca aberta antes e após o tratamento . 

A Ressonância Nuclear Magnética da ATM esquerda após tratamento mostra  que o côndilo faz uma excelente translação sem a limitação da ressonância inicial.
19
Melhora no posicionamento dos ombros e da cabeça.20 Melhora na posição da cabeça que não apresenta o adiantamento da imagem antes do tratamento.21O lábio não apresenta a inclinação da imagem inicial

22 Importante melhora do plano estético facial23 Terminado o tratamento de patologia da ATM encaminhei a paciente para o colega que fez a reabilitação neurofisiológica, mantendo a posição tridimensional obtida.

Os implantes tem mais de 5 anos de instalados. 24 25 26Depoimento da paciente.

Eu sentia muita dor, durante muitos anos. Dor de ouvido, dor no fundo dos olhos, muita dor de cabeça que aumentava na mastigação. Tive que passar a comer só alimentos moles e deixar de comer alimentos como carne e verduras cruas. Estes alimentos quando mastigava provocavam e aumentavam a dor de ouvido e de cabeça. Também ficava com muita vergonha quando mastigava já que fazia muitos ruídos.

Quando eu reclamava da dor do pescoço e dos ombros me falavam que era por causa do meu trabalho já que eu costuro. Hoje continuo costurando e não tenho mais dores, nem nos ombros, nem no pescoço nem no fundo dos olhos.

Faz cinco anos que terminei o tratamento, e não voltei a sentir dores na ATM, nem as outras dores. Também não sinto mais o barulho que tinha quando mastigava.

Acho que também rejuvenesci, olhando as minhas fotos de antes a depois de tratamento, vejo que a minha boca não está mais torta.

final

 

Descompressão Neuromuscular Fisiológica em Posição de Repouso Promove uma Remodelação Positiva em um Processo Degenerativo da Articulação Temporomandibular de uma Adolescente

0

01

A patologia da articulação temporomandibular tem sido frequentemente detectada com o surgimento de ferramentas de diagnóstico é uma preocupação crescente entre os profissionais de saúde. Dor e diminuição do rango de abertura mandibular pode ser a única evidencia de infecções crônicas

1

Jovem de dezoito anos com dor aguda em ambas as articulações temporomandibulares foi referida pelo seu dentista que a estava tratando com diferentes modalidades incluindo placas mio relaxantes que não aliviavam os seus sintomas

2- 3

A radiografia panorâmica em muitos casos pode mostrar processos degenerativos  mesmo não sendo um exame para avaliar a ATM. Mas  neste caso não mostra informação relevante nas cabeças mandibulares.

4

A imagem dos seus dentes mostra um desgaste inferior, e muitos dos profissionais comentaram que as dores eram pelo bruxismo, mas mesmo as placas mio relaxantes colocadas nunca aliviaram os sintomas da paciente, o qual criou um círculo vicioso no qual era repetido que as dores eram produto do stress quando nada mais tinha sido investigado.Como a panorâmica não mostrava a patologia da ATM, a paciente foi rotulada como se tivesse uma manifestação psicossomática e recomendou antidepressivos.

5

Fatores psicossociais ou  falta de diagnóstico?
7Uma simples laminografia mostra a ATM direita e esquerda em fechamento e abertura mostra cabeças mandibulares sem cortical situação mais grave do lado direito.8

A tomografia computadorizada revela uma vasta reabsorção da cabeça mandibular direita e cistos subcondrais na cabeça mandibular esquerda. Sua historia clínica revela traumatismo direto no mento na infância e infecções repetitivas de ouvido.

9

A tomografia computadorizada revela uma vasta reabsorção da cabeça mandibular direita e cistos subcondrais na cabeça mandibular esquerda. Sua historia clínica revela traumatismo direto no mento na infância e infecções repetitivas de ouvido.

10

A ressonância nuclear magnética revela no lado direito a destruição do disco mandibular e do lado esquerdo a luxação irredutível do disco articular. Observasse a falta total da cortical da articulação do lado direito.

11

Comparação de um corte sagital da tomografia e da ressonância mostrando a falta de cortical em ambas as imagens.

12Mesmo não apresentando sintomatologia clínica de doença inflamatória, foi encaminhada a um reumatologista para investigação.13

14Não podemos tomar estruturas patológicas como referência para nenhuma confecção de dispositivos intra orais.1516

Seus músculos mastigatórios foram desprogramados eletronicamente com um DEM desprogramador eletrônico mandibular e depois foi registrada uma mordida em posição de repouso neuromuscular fisiológica utilizando um magnetógrafo.

17         Este método consiste em estabelecer a posição de inoclusão espacial mandibular determinada pelo comprimento genético do músculo.
Esta posição pode ser registrada manualmente com um calibre ou pelo computador com um cinesiógrafo computadorizado.
1819

O traçado do kineciógrafo mostra a limitação da abertura do paciente 31,8 mm  e a péssima velocidade de abertura.

20

 

21Nenhuma máquina serve de diagnóstico, é uma ferramenta importantíssima, mas sempre a decisão de onde se toma o registro é do profissional encarregado do diagnóstico individual de cada paciente.22

Com esses dados construímos um aparelho intraoral testado electromiograficamente e kineciograficamente para suportar a posição neurofisiológica escolhida.

23Registros comparativos a direita o inicial com limitação de abertura e péssima velocidade a esquerda com o dispositivo, excelente abertura, translação correta e excelente velocidade.24

Após um ano de tratamento uma nova tomografia mostra claramente a remodelação positiva da cabeça mandibular direita e o processo de recuperação do lado esquerdo.

25

Após um ano de tratamento uma nova tomografia mostra claramente a remodelação positiva da cabeça mandibular direita.26   Após um ano de tratamento uma nova tomografia mostra claramente a remodelação positiva da cabeça mandibular direita.
27
Comparação dos registros iniciais e  os registros de controle do paciente após 6 anos.Sem Título-1

Comparação da ressonância nuclear magnética corte sagital da ATM direita fechada antes do tratamento e após o tratamento. Observa-se a cortical formada ausente na primeira ressonância nuclear magnética.
28

Lembro quando muito pequena aproximadamente oito anos de idade, apoiava os meus braços na mesa e dizia para a minha mãe: estou com dor de cabeça.

Passavam os dias e quando o médico foi consultado após um exame clinico dizia que precisava dormir mais.

Os anos passavam e a dor continuava, todos os dias.

Já não aguentava mais e voltei no medico varias vezes foram feitos muitos exames, mas não apresentavam nada, nenhuma anormalidade.

Sempre me davam o mesmo tratamento: antidepressivos, mas a dor continuava.

Nunca me conformei com o que me diziam que eu não tinha nada, que eram coisas da minha cabeça…

Estava segura que eu tinha alguma coisa, eu nunca estava bem e a dor continuava.

29

Consultei um dentista, dizia que as dores eram pelo bruxismo.

Passei a usar um aparelhinho que continha água por um tempo. Não resolveu.

Voltei, colocaram uma placa, mas não senti nenhuma diferença

Foi aí que me encaminhou para outro Professional: a Dra. Lidia Yavich, não pensei duas vezes, a única coisa que queria era melhorar.

Comecei o tratamento com a esperança de melhora.

Fiquei muito feliz por saber o que eu tinha de verdade que não era minha cabeça. Foram muitas viagens,mas a cada uma me sentia mais feliz, pois as dores diminuíram.Hoje estou bem ,muito bem e sem dores.

Muito obrigada, beijos.

31

Imagens comparativas da recuperação do processo degenerativo